Home>Saúde>Plantas medicinais: benefícios e como usar
Saúde

Plantas medicinais: benefícios e como usar

Foto: Pixabay/Congerdesign

As plantas medicinais possuem características que ajudam no tratamento de enfermidades ou nas condições de saúde do indivíduo. Segundo a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), as plantas medicinais são capazes de curar ou aliviar doenças e precisam ter tradição de uso como remédio por comunidade ou população.

As plantas medicinais carregam a história consigo, usadas pelos índios e pelos chineses há décadas atrás, quando descobriram suas propriedades medicinais.

O conhecimento das propriedades medicinais é antigo, mas para usar as plantas medicinais é preciso conhecer suas propriedades e saber onde colhe-la e como usá-la.

Confira algumas plantas medicinais e como usá-las:

Alecrim

  • Fins medicinais: usado para aliviar contusões e hematomas, e diminuir dores provocadas por doenças reumáticas e articulares. Combate enxaqueca e baixa imunidade.
  • Como usar: dilua 1 colher (café) de alecrim em 1 xícara de azeite de oliva. Esfregue a mistura na região dolorida fazendo massagem.
  • ATENÇÃO: pessoas com pele sensíveis devem evitar o uso. O óleo de alecrim nunca pode ser ingerido, além que em alta dosagem tem efeito abortivo. Pessoas epiléticas não podem usar o óleo.

Arnica

  • Fins medicinais: alivia a dor e apaga manchas roxas, além de ajudar conte dores reumáticas, gota e tendinites. Trata problemas de pele, como acne e furunculose.
  • Como usar: tintura para dores musculares: 1 parte de arnica fresca, 5 partes de álcool de cereais (encontrado em farmácias) e 5 partes de água. Corte a planta e misture com os outros ingredientes. Deixe descansar por 15 dias. Caso queira usar em compressa, dilua em 10%.
  • ATENÇÃO: a arnica não deve ser ingerida, nem a planta, nem as flores e nem a tintura. Não pode ser usada sobre feridas abertas. Grávidas e lactantes não devem usar. Pessoas que tomam remédio anticoagulante nunca devem usar arnica.

Babosa

  • Fins medicinais: ajuda na cicatrização de feridas, inflamações e queimaduras. Além de funcionar com anticéptico e combate a caspa, piolho e as lêndeas.
  • Como usar: esfregue as folhas de babosa cozida no couro cabeludo e deixe agir por 15 minutos, enxágue. Ou corte as folhas pelas base e deixe o sumo escorrer e aplique no cabelo, enxágue.
  • ATENÇÃO: a babosa nunca deve ser ingerida.

Camomila

  • Fins medicinais: acalma cólicas e é anti-inflamatória, além de ser usada como tônico digestivo, eliminando gases e abrindo o apetite. Alivia dores musculares, na coluna e ciáticas.
  • Como usar: para irritações na pele: use 6 colheres (sopa) de flores frescas de camomila, prepare um infusão com 1 litro de água. Aplique o líquido como infusão sobre a pele.
  • ATENÇÃO: grávidas e pessoas que tomam remédios anticoagulantes devem evitar o consumo. Algumas pessoas podem ter alergia e o consumo exagerado causa mal-estar.

Erva doce

  • Fins medicinais: contra cólicas infantis, gastrite nervosa, enxaquecas e purificador do hálito.
  • Como usar: para enjoos: coloque 3 colheres (sopa) da semente em 1 garrafa de vinho branco. Deixe descansar por 10 dias e coe. Tome uma taça antes das refeições.
  • ATENÇÃO: tome na quantidade indicada, altas dosagens podem trazer problemas. Grávidas não devem usar.

Comentários

Comentários