Home>Colunas>País das maravilhas
Colunas

País das maravilhas

Por: Silvia Pereira

Foto: Silvia Pereira

“No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus”. Benditas sejam as palavras.
Numa semana nada fácil, tentaremos aqui usar da palavra para amenizar tanta insatisfação e tristeza no nosso país amado. Alguns pontos a observar:

1 – O Brasil possui um dos maiores biomas continentais: a Amazônia.  O Pantanal, apesar de menor extensão, tem uma diversidade de fauna invejável. Detalhe: o homem ainda não conseguiu devastar tamanha beleza.
2 – Nosso clima é privilegiado.
3 – Somos o país que tem Pelé, o rei do futebol; o país de Niemayer, de Antonio Carlos Jobim, de Pixinguinha, de Aleijadinho, de Portinari, Tarsila, Romero Brito e Ademir Martins.
4 – Na música, além dos citados, a diversidade é muito grande. De sambista a pagodeiro, popular a sertanejo – apesar de não ser fã dos atuais – somos o país da alegria.
5 – Sei que é polêmico falar em gastos com as festas carnavalescas, mas somos o país do carnaval.
6 – Somos o país da diversidade cultural, de religiosidade, de raça e ainda não enfrentamos nenhum conflito em massa ou confrontos que mereça posicionamento neste meio.
7- São nossos: Castro Alves, Machado, Clarice, Suassuna,  Drummond, Paulo Coelho, Vinícius. Enfim, país das palavras.
8 – “O Rio de Janeiro continua lindo”, apesar dos pesares.

E vai por aí.
Vai por aí o lado bom deste Brasil varonil. O amor e a garra do povo brasileiro vencerão. E um dia os livros de História registrarão que o Brasil venceu todas as adversidades.
Amém!
Boa semana a todos, heroicos brasileiros!

Comentários

Comentários