Home>Colunas>Dicas de Gestão>Qualquer pessoa pode empreender?
Dicas de Gestão

Qualquer pessoa pode empreender?

Na maioria das vezes, quando se pensa sobre empreendedorismo, o que vem à mente são os grandes empreendedores como Mark Zuckerberg, Steve Jobs ou Bill Gates, no entanto, não se pode esquecer que o empreendedorismo também é feito pelos pequenos empresários, aquele dono da padaria do bairro ou aquele jovem que acabou de abrir uma startup.

Muito se acredita que algumas pessoas ‘têm no sangue’ o fator do empreendedorismo, como se fosse parte de seu DNA, mas é preciso desconstruir essa ideia. O empreendedorismo não é um dom, existem uma série de ferramentas e apoio para que todos possam empreender. Qualquer um pode se tornar um empreendedor, desde que una uma boa ideia, com força de vontade e determinadas características, que muitas vezes podem ser construídas.

Uma das principais características para o sucesso no empreendedorismo é a resiliência, ou seja, a capacidade de saber lidar com problemas. Ainda que essa seja uma característica essencial em todo mercado de trabalho, Flávio Anequini, Coordenador da Incubadora de Empresas de Lins da Agência de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Lins (ADETEC),  acredita que para o empreendedor é ainda mais vital. “O empreendedor estará sozinho, não terá quem tomar certas decisões por ele. O medo e insegurança impede a pessoa de empreender. É preciso buscar apoio, qualificação, se preparar, estar sempre atento e observar as oportunidades, para poder até mesmo inovar”, aponta.

Buscar apoio

Muitas vezes o empreendedor tem boas ideias, mas não acredita em si mesmo. “Para o empreendedor o ‘copo sempre precisa estar meio cheio’, destaca Flávio.

Negatividade não combina com empreendedorismo. Por isso, se a pessoa tem boas ideias, mas não consegue ser positiva, é recomendado que busque, além de parcerias e apoios, até mesmo ajuda psicológica. Com esses suportes, a pessoa irá entender mais sobre si mesma, por exemplo, conhecer seus pontos fortes e fracos, para que sua ideia se transforme em um empreendimento”, afirma.

Quais ramos empreender?

Muitas pessoas acreditam que para empreender você precisa, necessariamente ser do ramo pretendido, por exemplo, apenas um padeiro pode abrir uma padaria. No entanto, Flávio Anequini enfatiza que isso não é verdade. “Se uma pessoa tem uma boa ideia, saber gerenciá-la e contratar as pessoas necessárias também faz parte do empreendedorismo. Para ser empreendedor é preciso saber identificar talentos”, aponta.

Além disso, o empreendedor precisa entender que ele não pode fazer tudo. É preciso se planejar. Muitas vezes, no início do negócio é realmente preciso concentrar tudo em uma única pessoa, no entanto, é importante ter visão e planejamento para que seu empreendimento cresça e coloque pessoas capacitadas em cada área essencial de sua empresa ou mesmo fazendo parcerias ou contratação de terceiros.

Sobre a ADETEC

A ADETEC é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que existe desde fevereiro de 2001, e que nasceu para apoiar iniciativas no domínio das políticas públicas na cidade de Lins (SP) e região. Ela é uma associação formada por empresas privadas, centros universitários e entidades do poder público, que trabalham com o objetivo principal de executar atividades relacionadas a desenvolvimento, tecnologia, empreendedorismo e inovação.

Comentários

Comentários