Home>Destaques>Idiomas fazem diferença no mercado de trabalho
Destaques Dicas

Idiomas fazem diferença no mercado de trabalho

No concorrido mercado de trabalho, o profissional precisa diversificar seu currículo para conseguir destaque entre os concorrentes. Para isso, investir no aprendizado de um segundo ou até terceiro idioma é uma das dicas para se sobressair. Afinal, 27,1% dos profissionais brasileiros afirmam não ter conhecimento algum da língua inglesa, 12,2% possuem nível avançado e apenas 3,9% falam e escrevem fluentemente. Os dados são da Pesquisa dos Profissionais Brasileiros da Catho.

Terceira língua

A pessoa que, além do português, já tem conhecimento de outra língua, pode fazer bom uso de um terceiro idioma na busca por uma recolocação no mercado de trabalho. Para isso, deve-se observar as características da área do candidato e da empresa em que ele pretende trabalhar.

Se a matriz da firma é na Espanha, por exemplo, o espanhol torna-se idioma quase obrigatório. Com o aumento das relações internacionais brasileiras com países asiáticos e europeus, outras oportunidades surgem.

Para saber mais, clique aqui.

Comentários

Comentários