Boa FormaEditorial Boa FormaGeral

Esportes radicais: conheça os benefícios

UPbe04

A prática de esportes radicais pode trazer bons frutos, independente da modalidade

A imagem mostra a prática de esportes radicais, constituída por uma paisagem de uma montanha com um céu azul ao fundo. Ao centro, encontramos um homem escalando a parede da montanha.
As recompensas que o topo oferece são incríveis. Reprodução: Freepik

A sensação de ter o mundo na palma da sua mão e saber que você é capaz de tudo. O que para muitos é alcançar uma vida estável e tranquila, para outros é alcançar o ponto mais alto da montanha ou do pódio do torneio mais importante do mundo. Os dois estilos de vida são válidos, mas é de se confessar que a que envolve os esportes radicais parece ser mais atrativa.

Os esportes radicais são buscado por aqueles que querem sair da rotina. Além disso, oferecem uma variedade imensa de modalidades que pode ser dividida em duas categorias: os de aventura e os de ação.

UPbe16

Esportes Radicais de Aventura

Perfeita para quem busca envolver a atividade física com lazer e natureza, essa categoria possui um grau de dificuldade e intensidade um pouco menor por serem praticados sob condições calculadas.

O principal desafio desses esportes, que vão de trekking à rafting, é a superação dos obstáculos geográficos, como montanhas e serras. Além de serem excelentes para quem busca desenvolver habilidades motoras e a resistência física do próprio corpo.

Esportes Radicais de Ação

Intensidade é o que define a categoria. Praticados dentro de ginásios, pistas ou ao ar livre, esses esportes costumam envolver manobras complexas e arrojadas e um nível de adrenalina essencial para a prática.

UPbe15

Surfar as maiores ondas do litoral ou saltar do ponto mais alto que o avião consegue alcançar são, sem dúvidas, momentos marcantes para quem gosta da sensação que a adrenalina causa em nosso corpo. 

Benefícios para o corpo humano

As mudanças positivas que os esportes radicais podem proporcionar vão de encontrar alternativas para se divertir a desenvolver hábitos saudáveis para se adequar a realidade de um esportista de sucesso. Independente do benefício e sem contar com hormônios como a dopamina, é quase certo que a adrenalina das práticas te ajudará (e muito) a alcançá-los.

A adrenalina, produzida pela medula supra renal, é um hormônio liberado após estímulos em terminações nervosas, que fazem com que seu corpo reaja de diferentes formas para que se prepare para situações adversas com o intuito de sobreviver. Os efeitos benéficos imediatos da adrenalina, caso sua liberação ocorra de forma controlada, podem ser:

  • Aumento dos batimentos cardíacos e da pressão arterial, o que acarreta em uma melhora do fluxo sanguíneo para vários órgãos e músculos;
  • Abertura dos brônquios pulmonares, essenciais para um bom trabalho respiratório;
  • Estimulação da produção de uma “energia extra” para o seu corpo, que ocorre através da transformação de gordura e glicogênio em açúcares no seu corpo;
  • Combate ao estresse por conta do aumento do contato com a natureza.

Cuidados a serem tomados

A imagem mostra a prática de esportes radicais, composta pela silhueta da parte mediana do corpo de uma pessoa segurando um capacete preto ao centro.
Todas as medidas de proteção devem ser seguidas. Reprodução: Freepik

Na prática deste tipo de esporte, os cuidados são essenciais, principalmente para quem está começando, e engana-se quem acredita que dependendo do esporte os passos podem ser pulados.

Primeiramente, sempre procure um profissional e ou um médico do esporte para fazer uma avaliação geral e te dizer se você possui condições de realizar tal prática. Portanto, busque sempre uma alimentação saudável, prepare seu corpo e consulte especialistas antes de seguir adiante com a sua ideia.

Por serem esportes radicais, os acidentes sempre são um risco e só podem ser evitados com os cuidados necessários. Por isso, pesquise as principais medidas de segurança para o futuro esporte e siga atentamente a todas as recomendações que te forem passadas.

A imagem mostra a prática de esportes radicais, composta por duas pessoas realizando um voo de uma asa delta branca e vermelha. O fundo é composto apenas pelo céu completamente azul.
O céu é o limite. Reprodução: Freepik

Algumas dicas

Para você que depois de ler os últimos parágrafos ficou curioso e está pensando em sair da rotina, confira cinco dicas e tome a sua decisão:

  • Slackline: Quem olha pensa que é fácil e apenas uma brincadeira, mas a prática desse esporte é complexa e envolve muito conhecimento corporal, coordenação motora, equilíbrio e força física. Ideal para quem busca afastar o estresse e aumentar o convívio social.
  • Surf: Moradores do litoral, esse esporte é para vocês! O surfe trabalha muito com sua capacidade respiratória e equilíbrio. Além de ser um estilo de vida invejável para qualquer um.
  • Skate: Litoral ou interior, o skate pode ser praticado tanto nas ruas quanto em pistas especializadas. Excelente para quem gosta de interagir socialmente e busca ter um domínio completo dos movimentos do próprio corpo. Também possui um estilo sensacional.
  • Bungee Jump: Apesar de não ser muito prático, o esporte é para aqueles que possuem coragem e sempre sonharam em voar mesmo sem ter asas.
  • Paraquedismo: Segue a filosofia do Bungee Jump. Para quem quer voar, o limite é o céu (e Boituva, que possui o maior centro de paraquedismo da América Latina).

E aí, tomou sua decisão? Compartilhe com seus amigos e comece uma nova rotina assim que puder. A sensação é única e com certeza ficará em sua mente por muito tempo!

Por: Gustavo Amaral – Jornal Jr. – Unesp/Bauru

Acesse todos os nosso conteúdos de Boa Forma clicando aqui

Comentários

Comentários

Etiquetas
Mostrar mais
UPbe07

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar