ComportamentoEditorial Comportamento

Minimalismo: O que é e como aplicá-lo na sua vida?

UPbe04

Saiba como viver pode ser simples através do Minimalismo. Com poucas atitudes, conseguimos mais qualidade de vida, aproveitando os melhores momentos!

Um conceito que tem estado em alta nos últimos anos é o do Minimalismo, mas o que ele representa nem sempre é algo tão claro. Apesar de não ser um conceito fechado, de forma geral ele pode ser resumido em alguns aspectos. De acordo com a especialista em minimalismo, Cláudia Ganhão, o primeiro aspecto é identificar o que é essencial, o que é realmente importante para você. E em segundo lugar, mas não menos importante e também relacionado ao primeiro aspecto, é focar de fato no que é mais importante para você viver a sua vida.

Por que adotar esse estilo de vida?

Talvez você esteja se perguntando, mas quais os benefícios em adotar este estilo de vida? Ainda de acordo com Ganhão, o primeiro motivo é que ao adotar o minimalismo nós passamos a valorizar mais a vida, os pequenos momentos e nos importamos mais com a qualidade de nossas vidas em relação a quantidade.

UPbe16

Tendo isso em mente, podemos perceber que o estilo de vida minimalista pode andar de mãos dadas com outros conceitos. Tais como o de descomplicar o nosso dia-a-dia, de desperdiçar o mínimo possível, levar a vida de forma mais simples, sustentável e, sem dúvidas, de forma mais devagar. O mundo inteiro está buscando formas de acelerar, mas talvez o mais interessante seja seguir o caminho inverso.

O minimalismo nos ajuda a diminuir o stress, nos faz ter menos distrações, ou pelo menos coisas que nos distrairíamos. Além disso, apesar de em tese termos menos coisas em quantidade, ao mesmo tempo conseguimos uma maior qualidade.

A imagem mostra uma mulher em uma floresta, durante o outono, se vestindo com minimalismo e mostrando uma folha seca para a câmera.
Foto por Scott Walsh no Unsplash

Como aplicar em nossas vidas?

Ganhão ainda mostra decisões simples que ajudam nesta caminhada, e numa forma de aplicar e nos adequar a este estilo de vida. Entre as decisões que ela cita estão:

UPbe15

1- Meditar de forma regular e frequente: A meditação funciona como forma de desacelerar e colocar o pé no freio em relação ao mundo tão veloz que vivemos.

2- Se livrar de “tralhas”: Bugigangas, tralhas, e coisas que ficam jogadas pelos cantos não contribuem com nada em nossas vidas. Ao nos livrarmos disso, limpamos um espaço em nossas mentes e em nossas vidas. Parte da limpeza e arrumação constante que esse tipo de coisa gera, é removido do nosso cotidiano.

3- Passar mais tempo off-line: Apesar de não ser tão simples assim, um ponto que pode ser importante é o de tentar ficar off-line quando possível. Tudo está tão automatizado, tão virtual que o tempo que se passa fora das redes é um período que é valioso, e cada vez mais valioso visto que estamos a todo momento vendo telas mesmo em momentos que não precisamos.

4- Saber dizer não a situações que não te acrescentam algo: Sabendo que um dos motivos para aplicar o minimalismo é simplificar a vida, é importante perceber o que te acrescentará algo e o que não.

Agora que você sabe o que é minimalismo, e como pode aplicá-lo em sua vida, é importante tomar cuidado e buscar maneiras para se aproximar deste estilo de vida.

Gostou da matéria? Então confira outros conteúdos sobre comportamento no nosso blog e fique de olho para receber mais dicas para a sua vida.

Por: Frederico Tapia – Jornal Junior – Unesp/Bauru

Comentários

Comentários

Etiquetas
Mostrar mais
UPbe07

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar